O QUE PENSAM AS DELEGADAS E OS DELEGADOS DA II CONFERÊNCIA NACIONAL INFANTO-JUVENIL PELO MEIO AMBIENTE

Por Roosevelt S. Fernandes, Valdir José de Sousa

Equipe de pesquisa de campo: Brunela de Alcântara Merigueti, Jéssica Vicente Guanandy, Elaine Gomes de Andrade, Fernanda Pereira Coelho, Caroline Zanetti Monjardim

Equipe de apoio: Leonardo Zorzal, Sabrina Trindade Fernandes, Felipe Gabriel Sotero Andrade, Mayke Meyer Miertschink, Marcela Ribeiro Calazans, Rodrigo Lucas Leão Bastos, Fabio Rinaldi Nunes

Equipe de digitação e revisão: Poliany Morais Rabbi, Velfrisia Tose

O objetivo da presente pesquisa foi identificar o perfil dos delegados e delegadas participantes da II Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente (II CNIJMA), incluindo o seu grau de interesse e envolvimento com o tema. O levantamento de dados foi realizado durante a II CNIJMA – 23 a 28 de abril de 2006. Utilizando a técnica da amostragem estratificada proporcional, foram entrevistados 238 participantes (43% do total), considerando a margem de erro de 5% e intervalo de confiança de 95%.

Os resultados apontam a grande influência que a escola e a comunidade exercem na motivação desses jovens – a principal sugestão dos adolescentes é a criação de projetos de educação ambiental na escola que promovam a relação com a comunidade. Assim, programas como a Com-vida – Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida na Escola e a própria Conferência de Meio Ambiente na Escola são espaços que podem ser potencializados, com o envolvimento cada vez mais significativo da família e da comunidade, proporcionando o adensamento conceitual aliado à práxis. Apresentamos os principais resultados, com destaque para os itens que foram mais citados.

Download: PESQUISA MEC – NEPA VERSÃO FINAL APROVADA

Os comentários estão desativados.